Segunda-feira, 16 Maio 2022
Fale com a gente! (18) 3022-2303

NOTÍCIA

14/03/2022

Marília desenvolve ações de Educação Ambiental sobre coleta seletiva

seletivo


Marília desenvolve ações de Educação Ambiental sobre coleta seletiva

A Prefeitura de Marília, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e de Limpeza Pública, iniciou o desenvolvimento de ações de educação ambiental nos bairros onde se encontram instalados os ecopontos para coleta de materiais recicláveis.
A equipe do PMVA (Programa Município Verde Azul – Marília) está desenvolvendo as ações para orientar a população sobre o uso correto dos ecopontos instalados em locais estratégicos para recebimento de materiais recicláveis.
O Chefe da Divisão do Meio Ambiente e Coordenador do PMVA, Cassiano Rodrigues Leite, destaca a importância destas ações para esclarecimentos junto à população sobre como descartar corretamente.
“Estamos tentando avançar com a coleta seletiva na cidade, mas temos tido dificuldades devido aos descartes irregulares nos ecopontos. Lixos orgânicos, materiais de construção e restos de móveis estão sendo depositados nessas áreas, demonstrando o quanto ainda precisamos educar a população sobre este tema. A equipe do Programa Município Verde Azul – Marília assumiu essa educação ambiental e está desenvolvendo um grande trabalho de porta em porta, e, em breve, avançaremos às escolas da cidade”, disse Cassiano.
Leandro Silva Rodrigues, Interlocutor do PMVA, relata os trabalhos realizados e os objetivos a serem alcançados.
“Marília sempre cobrou a coleta seletiva e hoje temos a oportunidade de participar desta ação tão importante para o meio ambiente e para a inclusão social de catadores em nossa cidade. Estamos utilizando os ecopontos para educar nossa população sobre como fazer o descarte correto, inclusive orientando de porta em porta os cidadãos, ou deixando panfletos em suas casas, quando não encontramos moradores, de forma a orientar quais materiais são passíveis de reciclagem e onde descartar os demais materiais em nossa cidade, como pneus, móveis, resíduos da construção civil e lixo eletrônico, por exemplo”, afirmou Leandro.
Simone Brichi Parolim Macanhan, interlocutora do PMVA enfatiza a importância da participação popular nesta ação. “A coleta seletiva depende de ações desenvolvidas pelo poder público, porém, necessita de ampla participação popular para alcançarmos resultados satisfatórios. Estamos sentindo os impactos econômicos causados pela falta de matéria prima no mercado e a reciclagem colabora com grande parte dos insumos destinados ao setor industrial. Ainda, os impactos ambientais consequentes de ações como esta são sentidos na redução do aquecimento global, na qualidade do ar e na limpeza pública, dentre outros fatores que beneficiam nossa cidade. Os bons resultados só surgirão se cada um fizer seu papel na sociedade. Não adianta cobrarmos resultados, se todos não participarem para alcançarmos os objetivos deste trabalho socioambiental. Estamos licitando 20 mil sacolas retornáveis para avançarmos com a coleta de porta em porta, porém, precisamos que a população saiba como descartar corretamente. Lembrando que estes ecopontos pertencem a famílias de catadores que sobrevivem destes trabalhos, e merecem nosso respeito e colaboração.”
Para mais informações sobre coleta seletiva, ligue: (14) 99717-6019 (Aprenda a Reciclar), (14) 99878-9034 (Recicla Marília) e (14) 99777-0288 (EcoEstação) ou acesse: https://www.marilia.sp.gov.br/onde-descartar/

Compartilhe: