Domingo, 03 Julho 2022
Fale com a gente! (18) 3022-2303

NOTÍCIA

03/06/2022

Câmara Municipal rejeita pedido de autorização de recursos para Pavimentação Asfáltica

Obras


Câmara Municipal rejeita pedido de autorização de recursos para Pavimentação Asfáltica

Na noite de segunda-feira, 29 de maio, a Câmara Municipal de Assis colocou em votação dois Projetos de Lei, que autorizavam o Poder Executivo Municipal a contratar operação de crédito junto à Caixa Econômica Federal, no valor total de R$ 19.000.000,00 (dezenove milhões de reais).

Após duas horas de discussão sobre o assunto a votação acabou empatada em 7 a 7. Com esse resultado houve a necessidade do voto de desempate do Presidente da Câmara, delegado aposentado Ramão, que votou contrário aos projetos. Com isso, por 8 a 7, os projetos foram rejeitados.

Esses recursos, se aprovados,  seriam utilizados na realização de obras de pavimentação asfáltica e drenagem, na via que dá acesso ao Cervinho, numa extensão de 4,1 km, também da pavimentação da Estrada que liga Assis ao Condomínio Esmeralda Park, e inicio das obras do Anel Viário (Eixo Sul e Eixo Leste).

O prefeito José Fernandes lamenta a decisão, pois essas melhorias iriam beneficiar dezenas de moradores desses bairros rurais, e garantir o início das obras do anel viário, um projeto de expansão e desenvolvimento da cidade de forma planejada e estratégica para os próximos 50 anos.

“A população pode ficar tranquila, pois perdemos uma batalha, mas não a guerra. A luta continua e vamos em breve reenviar esses projetos à Câmara e temos a certeza do bom senso dos nobres vereadores, pois nossa cidade merece essas melhorias” finalizou o prefeito.

Os votos dos vereadores que foram favoráveis aos projetos: Douglas Azevedo, Fernando Vieira, Tenente Gênova, Pastor Edinho, Carlinhos ‘Zé Gotinha’, Pastor Nivaldo e Rogério Nascimento.

E os contrários ao projeto: Alexandre ‘Cachorrão’, Fernando Sirchia, Vinícius Símili, Fabinho ‘Alerta Verbal’, Gerson Alves, Jonas Campos, Viviane Del Massa e o presidente da Câmara, Delegado Ramão.

Desta forma, o prefeito aguarda o decorrer dos prazos legais para reenvio da proposta.

Compartilhe: